2007-08-29

A rapariga que tinha muitos olhos



Um dia no jardim
fiquei muito espantado:
encontrei uma miúda
com olhos por todo o lado.
.....
Era de facto encantadora
(e também assustadora!);
e, porque tinha boca para falar,
pusemo-nos a conversar.
....
Falámos sobre flores
e das suas aulas de poesia,
e dos problemas que teria
se tivesse miopia.
....
É óptimo namorar alguém
que tanto nos olha,
mas se desata a chorar
apanhamos uma molha.
......
(Tim Burton)



7 comentários:

Teresinha disse...

Trouxeram-te afinal uma "relíquia", com histórias!!!
Não conhecia esse Tim Burton.
-Também, não podemos conhecer tudo, não é!?...
Muito interessante!
Se publicares as histórias todas...
acabamos por ler o livrinho(?).
Ou é um livro grande?
E assim não precisamos de comprar.
Gosto de te "ver" assim!
:)

lami disse...

Que menininha mais estranha a olhar, a olhar... com tantos olhos deve ser para não lhe fugir nada, ver tudo e saber tudo (um pouco assustadora, de verdade)!

Carolina disse...

Amigas o livro é esse de que vos falo na postagem de 17 de Agosto.
É pequeno, não deve ser caro e na D'Artes há.Chama-se" A MORTE MELANCÓLICA DO RAPAZ OSTRA E OUTRAS HISTÓRIAS.
Vou ver se ainda há.(Os desenhos então são uma delícia)
bjs

Sofia disse...

Esse livrito até eu era capaz de o ler!!

Sim sr... tens histórias muito engraçadas e muito fáceis de ler (São pequenas e tal!?)!

Bjs!

priiima disse...

Combinado!

António Gil disse...

Olá, Amiga.
Fez-me de imediato lembrar aquela cena do PLAYGROUND em que a Duda diz para o Mário Montes que tem olhos em todo o corpo por causa de uma bruxa má que ela se esqueceu de convidar para uma festa, ou coisa que o valha. Lembras-te?

Carolina disse...

Pois é. Agora que falas nisso lembro-me.
Deve ser a bruxa que passou pela tal rapariga!