2008-07-11

Ele e eu...

(Depois de clicar no endereço indicado, deslize até ao fim da reportagem sobre Mia Couto. Dê um toque na "setinha", à esquerda. Ouvirá um voz de "cana rachada" e escondidinha atrás de uma "grande fotógrafa" talvez descortinem a "eu"...)
(E agradeço ao meu amigo Livreiro que me pregou esta partida...)



2 comentários:

Fata disse...

Já tinha lido o teu fabuloso texto. Agora, ouvi-o e vi a reacção de Mia Couto... Achei uma delícia! Mais uma vez, parabéns, Carolina!
Obrigada por visitares as minhas "Banalidades" e deixares sempre uma palavra de interesse.
Realmente é como dizes: uma frase de Mia Couto tem a dimensão de toda uma obra! Lindo!
Já li "As Intermitências da Morte", claro!Eu sou fã de Saramago. Gosto muito de o ler. A mim, ele diz-me o que "há neste mundo e no outro"! Ajuda-me nas intermitências da minha vida.
Quanto à nossa Sally, bem merecidas e necessárias são as suas férias. Também terá de ganhar energias para o desafio que aí vem... Para ela, os meus desejos de franco sucesso!

Carolina disse...

Obrigada!
Para a semana vem à livraria o Júlio Magalhães, figura simpática da televisão.
;)))