2010-03-19

Do Fernando Pessoa


Havia um menino,
que tinha um chapéu
para pôr na cabeça
por causa do sol.
Em vez de um gatinho
tinha um caracol.
Tinha o caracol
dentro de um chapéu;
fazia-lhe cócegas
no alto da cabeça.
Por isso ele andava
depressa, depressa
p’ra ver se chegava
a casa e tirava
o chapéu, saindo
de lá e caindo
o tal caracol.
...........
Mas era, afinal,
impossível tal,
nem fazia mal
nem vê-lo, nem tê-lo:
porque o caracol
era do cabelo.

10 comentários:

dulce do carmo disse...

Hello:este poema do" fernando pessoa"??? o que eu desconheço! Lindo,diria que foi escrito pela minha.Bj e até amanhã,
Dulce

Carolina disse...

Pela tua.... EUUUUUU???
Hum... se assim for, obrigada. É um desvanecedor elogio!!!
bjhs

Jelicopedres disse...

Autênticos "cachos de Ouro", estes caracóis!

Os da fotografia e os que sairam da "pena" de uma menina que eu sei.

Lindo^_^)

Carolina disse...

Tersinha, quem escreveu foi o F. Pessoa!
Nem parece o estilo dele, mas é!
;)

Jelica disse...

Não parece dele mesmo, Carol!

Então não é que te acho
CAPACITADÍSSIMA,
(que grande palavra!)
para escreveres este poema!

Tal e qual!
;))

Sentidamente disse...

Lindo e enternecedor! Tal como a fotografia! De facto, há muito de Fernando Pessoa a que não nos habituámos ainda e que não aliamos àquele mesmo génio que escreve coisas tão densas e profundas. Mas tu andas empenhada em tirar surpresas do tal baú que ele deixou! Há tempos atrás, também nos presenteaste com uma carta de amor muito fora do seu género habitual.
Aproveito para te dizer que tenho andado com menos tempo para a NET e nem consigo responder aos comentários do meu blog. Outras actividades, depois conto. Em breve, espero!
Beijinho

isabel disse...

Também não conhecia este poema. Muito bonito e caracóis tão bonitos só podem mesmo fazer coceguinhas :D
baci

Carolina disse...

Ainda bem que pus o poema. Afinal não era vosso conhecido.
O Fernando Pessoa é assim, cheio de surpresas!
;)

arlete disse...

Um dia destes mando-te as cabeças lindas dos meus netos para veres o caracóis.vou dar o poema ao meu filho. kandandu

Ana disse...

Muito bonito o Poema ! Assim como essa linda carinha com esses lindos caracóis, bjhs amiga.