2010-05-10

Estória quase inventada...


(O Fruto que deu frutos...)


A Mulher estava numa esplanada.
O Homem passou com um Menino ao colo.
O olhar dela seguiu-o até ele desaparecer na esquina.
Tempos depois, seguia ela num autocarro quando de repente o avistou caminhando pela avenida.
O tempo passou, e um dia, ao entrar no bar do teatro viu-o lá dentro na mesa de som.
Pensou: Vou falar com ele!
E foi!
No dia seguinte, no seu camarim, alguém tinha deixado como presente um CD.
Ela olhou em redor, havia uma fruteira e dentro dela um ananás.
Pegou no ananás e e deixou-o sobre a mesa de som.
Mais tarde, voltaram a encontrar-se e a conversar.
Hoje, vivem na mesma casa.
E num mini-quintal de que muito se envaidecem, os dois jantam à luz das velas.
Muitas vezes são três, porque o Menino é filho do Homem.

..(Música de fundo "O Piano" de Michael Nyman)

12 comentários:

arlete disse...

pelo fruto ,bom, o fruto e doce . o Homem vive pensando,recriando, caminhando

Sentidamente disse...

Assim acontece a vida! Coisas que parecem tão simples não o sendo tanto assim!

Palavras com o poder de resumidamente dizer tudo!

Leitura que emociona mas que transmite ternura e paz.

Também gosto da música

Beijinho

Carolina disse...

Na verdade, Meninas é uma estória bonita e...aqui para nós, verdadeira!!!
Eu até conheço os personagens...
;)

isabel disse...

A vida tem destas surpresas!
Um olhar, uma certeza, um amor...
baci

Ana disse...

Muito bonito amiga Carolina, ainda bem que é verdadeiro !!! A vida tem destas coisas maravilhosas, um grande beijinho (*:*)

Ventilan disse...

:)
obrigado

Carolina disse...

Ventilan??? Hum!...
Lembrei-me de quem era. O Pedro!
Fui espreitar o blog. E aquela fotografia de menino lindo, é o teu?
Bjhs

Ventilan disse...

É pois, um valente patife :)
Há de ir aí mais cedo ou mais tarde, conhecer o resto da família.

beijinhos

Pedro

Carolina disse...

Cá o (os) esperamos!
;)

Jelicopedres disse...

Esta "Estória", Maria Carolina, parece-me mais verdadeira que inventada...!
É verdadeira sim, e linda!!!

Beijinho com aroma de ananás;)
Teresinha*_*)

Violeta Extravagante disse...

Até suspirei...aliás, ainda estou a suspirar.


Afinal...ainda há histórias de amor.
Afinal as histórias de amor não existem só nos livros nem nas palavras dos poetas.

Beijo e Abraceijo

lami disse...

Que linda história de AMOR! E parece-me até que conheço algum personagem ;)
Felicidades!